Projeto de lei – diagnóstico precoce do autismo

O projeto de lei determina a adoção de um questionário – M-CHAT (Modified Checklist for Autism in Toodlers) – como instrumento para o diagnóstico precoce do autismo. Ele seria aplicado nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e nas unidades de saúde pública da cidade, para crianças entre seis meses e três anos de idade.

A proposta determina a capacitação dos professores de educação infantil e dos agentes públicos de saúde para a aplicação do teste e a detecção dos sinais de risco do autismo. “Segundo especialistas, a detecção do transtorno nos anos iniciais, com acompanhamento adequado, traz ganhos consideráveis para o desenvolvimento da criança”, alerta o autor.

Petruzziello destaca que o M-CHAT é um teste clínico, que não envolveria laboratórios ou geraria gastos à Prefeitura de Curitiba. “São 14 perguntas que podem ser respondidas simplesmente com ‘sim’ ou ‘não’”, explica o vereador. O projeto também cria um banco de dados do Executivo, respeitado o sigilo das crianças e suas famílias. A ideia é que essas estatísticas mensurem a evolução e possibilitem o georreferenciamento dos casos.

Categorias:Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s